POLUIÇÃO MARÍTIMA - MICROPLÁSTICOS - MICROVILÕES?

Autores

  • Felipe Munhoz Monculi ENIAC

Resumo

Nas últimas décadas, a produção de plástico tem aumentado significativamente em
função da sua praticidade nos mais diversos setores. Adicione a esse contexto
preços bons e uma variedade de clientes, pronto! Em breve a produção estará a
todo vapor e as vendas estarão garantidas, porém toda essa “facilidade” tem um
preço alto. O meio ambiente se encarregará de ficar com o resto, principalmente o
oceano, pois de alguma maneira, leve o tempo que levar, esse “resto” chegará às
águas mais profundas mesmo que seja fragmentado. A presença do microplástico
foi detectada pela primeira vez no meio ambiente em 1970 e está longe de ser
eliminada. Cientistas localizaram fragmentos de plásticos a 5 mil metros abaixo da
superfície. Chegamos a conclusão que os seres humanos precisam aprender que
independente do ambiente que seja descartado, acabam prejudicando as águas e
consequentemente, a cadeia alimentar, já que muitas espécies acabam morrendo
por se alimentarem dessas partículas.

Arquivos adicionais

Publicado

2023-04-19

Como Citar

Munhoz Monculi, F. (2023). POLUIÇÃO MARÍTIMA - MICROPLÁSTICOS - MICROVILÕES?. Portal De Conferências Da Semana Do Conhecimento, 6(1). Recuperado de https://sdc.guarulhos.sp.gov.br/index.php/SDC/article/view/698

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)